• Programa Sudesb Natação em Rede
  • Programa Sudesb Natação em Rede
  • Prêmio de boias práticas 2017
  • Programa de Estágio
  • Novas sedes e visturas reforçam segurança no Sudoeste

Escolinhas de Esporte da Sudesb

Alunos da escolinha da Sudesb durante aula de nataçãoAs Escolinhas de Esportes são uma política pública desenvolvida pela Sudesb para o estímulo à prática esportiva e a promoção de inclusão social pelo esporte. De março a dezembro de cada ano, as atividades são oferecidas a milhares de crianças, adolescentes, jovens adultos e idosos (com e sem deficiência) em núcleos de atendimento que funcionam na capital e no interior do estado. São aulas de natação, hidroginástica, ginástica geral, dança de salão e futebol.

Em Salvador, as Escolinhas funcionam em núcleos como o da Universidade Católica do Salvador (Pituaçu),  o Armando Oliveira (Avenida Gal Costa), o Espaço ACM Brasil (Liberdade), o Centro Social Urbano do Nordeste de Amaralina e o Centro Social Urbano da Liberdade.

Ainda na capital do estado, a Sudesb atua também em parceria com associações de bairros e entidades, desenvolvendo o Projeto Esporte, Lazer e Inclusão Social, na Ribeira e no Nordeste de Amaralina. Em parceria com o Centro de Diabetes e Endocrinologia da Bahia (Cedeba), da Secretaria Estadual da Saúde (Sesab), pacientes com diabetes e/ou obesidade são encaminhados para as aulas, o que ajuda no tratamento de saúde dos pacientes.

Projetos de esporte e lazer - além das ações diretas, no biênio 2015/2016, 20 projetos de esporte e lazer receberam o apoio financeiro e a supervisão do Governo do Estado, por meio da Sudesb. Eles integram o conjunto de estratégias do programa Pacto pela Vida, uma ação de Governo que tem por objetivo principal a promoção da paz social. Os projetos acontecem na capital e no interior, atendendo a pessoas de diversas faixas etárias.

Para implementar sua execução, a Sudesb conta com recursos próprios e também da Secretaria de Promoção da Igualdade Racial (Sepromi), além de aporte financeiro do Fundo de Combate à Pobreza (Funcep). Somados, os 20 projetos beneficiam a quase 20 mil pessoas, em um investimento de cerca de R$ 10 milhões. A durabilidade de cada convênio é de 12 meses, podendo ser prorrogado por igual período.


Calendário 2017

As inscrições para o maior número de vagas da Escolinhas do Esporte aconteceram no mês de fevereiro. No entanto, durante todo o ano é possível encontrar alguma vaga disponível em alguns dos núcleos de atendimento. Para tanto, o interessado deverá comparecer ao local da modalidade escolhida munido de um atestado médico do ano de 2017 que mostre a aptidão para a prática de atividade física, atestado escolar indicando o turno em que estuda (no caso de crianças e adolescentes) e cópia do comprovante de residência. Além desses documentos, os alunos novos precisam entregar uma cópia da certidão de nascimento ou carteira de identidade e duas fotos 3x4. As aulas iniciaram em 07 de março de 2017.

Recomendar esta página via e-mail: