• AGENDA ESPOTIVA

Notícias

11/10/2019 14:10

Campeonato master de basquete traz atletas consagrados a Salvador

Na terceira idade e em plena forma. Esse é o perfil de boa parte dos atletas que disputam o Salvador Maxxi Basketbal 2019, realizado até o próximo domingo (13), na capital baiana. Com apoio da Superintendência dos Desportos do Estado (Sudesb), o campeonato master tem entrada gratuita e reúne grandes nomes da história do basquete brasileiro.

Uma dessas estrelas é Regina Meireles, a Regininha, jogadora de basquete em atividade há mais tempo no Brasil. Com 78 anos, a atleta já representou o país jogando pela Seleção Brasileira. "Participei de um torneio na Bahia pela primeira vez no ano retrasado e agora estou de volta neste lugar que adoro. A pessoa mais velha precisa se animar, não pode viver dentro de casa. É preciso fazer as obrigações do dia a dia, mas é importantíssimo tirar um tempo para exercitar o corpo, seja com o basquete ou qualquer outra atividade física", alerta Regininha.

O assessor técnico da Sudesb, Álvaro Oliveira, explica que "além dos grandes nomes do basquete, essa competição reúne ex-atletas, que trazem exemplo para os mais jovens que também vieram assistir aos jogos, tanto da modalidade feminina quanto da masculina".

Um outro nome presente no torneio é a ex-capitã da seleção brasileira Suzete Gobbi, que liderou o grupo por 11 anos. "É muito importante ter o poder público apoiando esse tipo de competição, que é também um grande reencontro de ex-companheiras e companheiros da modalidade. Nós somos referência no basquetebol e, participando desses campeonatos, podemos ser espelhos para as futuras gerações", afirma.

Competição

Já é a terceira vez que a Liga Nordeste de Basquetebol traz a competição para Salvador, lembra o presidente da entidade, Ives Costa. "Este é o terceiro ano que promovemos, sempre com o apoio da Sudesb, e o evento vem crescendo. Em 2019, temos várias celebridades, como as medalhistas Alessandra Oliveira e Marta Sobral, e isso é prova do reconhecimento que o evento tem para o basquete master".

A competição reúne cerca de 500 homens e mulheres, atletas de 30 a mais de 65 anos, dos estados de São Paulo, Mato Grosso do Sul, Pernambuco, Rio de Janeiro, Maranhão, Alagoas e Sergipe, além do Distrito Federal. Abertos ao público, os jogos são disputados nas quadras da Associação Atlética da Bahia, na Barra; do Centro Estadual de Educação Profissional Isaías Alves (antigo Iceia) e do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia (Ifba), ambos no Barbalho.

Fonte:Secom
Recomendar esta notícia via e-mail:

Campos com (*) são obrigatórios.